Congresso Norte-Nordeste de Clínica Médica e Medicina de Urgência e Emergência

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

PNEUMONIA POR LOPHOMONAS BLATTARUM: RELATO DE CASO DE HOSPITAL TERCIARIO DO NORDESTE DO BRASIL

Fundamentação/Introdução

A infestação de protozoários nos tratos respiratórios superior e inferior vem sendo relatada em todo o mundo, tanto em pacientes imunocompetentes como nos imunossuprimidos, sendo mais comum nesse último grupo. Entre os protozoários com ação patogênica sobre o trato respiratório, o Lophomonas blattarum (L. blattarum), um protozoário ciliado comensal do intestino de baratas, vem sendo relatado como causa rara de pneumonia, mas com potencial gravidade e importância clínica.

Objetivos

O presente trabalho visa relatar um caso de pneumonia por L. blattarum em um paciente jovem, proveniente do Nordeste do Brasil.

Delineamento e Métodos

Nós relatamos um caso de pneumonia pelo protozoário flagelado L. blattarum em paciente masculino de 18 anos, usuário de drogas ilícitas (cocaína e maconha), admitido no nosso serviço por pansinusite direita complicada com trombose de veia oftálmica superior ipsilateral. Paciente relatou último uso de cocaína (por via nasal) 11 dias antes da admissão. Associado ao quadro otorrinolaringológico, paciente tinha queixa de febre e tosse seca, sendo evidenciado em tomografia de tórax a presença de consolidações pulmonares bilaterais, predominantes em lobos inferiores e principalmente à direita, algumas deles com áreas de vidro fosco de permeio.

Resultados

Durante evolução paciente apresentou hemoptise maciça, sendo encaminhado à UTI por ter apresentado dessaturação com necessidade transitória de oxigenioterapia suplementar, não necessitando de intubação orotraqueal. Realizou broncoscopia diagnóstica, a qual identificou sangramento ativo de pequena monta principalmente nos lobos inferiores direitos. Investigação para tuberculose, fungos e germes piogênicos foi negativa. No exame microscópico direto foi visualizada presença de grande quantidade de um protozoário multiflagelado, posteriormente identificado como Lophomonas blattarum. Foi administrado tratamento com Metronidazol oral durante quatorze dias, com boa resposta clínica.

Conclusões/Considerações finais

A pneumonia por L. blattarum é um evento raro e nunca descrito no Brasil, tendo sido reportada até pouco tempo atrás apenas na China. Embora a evolução grave seja uma complicação rara, chama atenção a sua ocorrência também em pacientes jovens e previamente hígidos, podendo figurar no diagnóstico diferencial das pneumonias de resolução lenta.

Palavras-chave

Pneumonia; Lophomonas blattarum; Cocaína

Área

Clínica Médica Geral

Instituições

HOSPITAL DAS CLINICAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO - Pernambuco - Brasil

Autores

JULIO ZOE DE MEDEIROS BRITO, PRISCILA MARIA TEIXEIRA AROUCHA, CAROLINA ARRUDA ASFORA, FRANCISCO AMBRÓSIO DE ASSIS NETO, CLEZIO CORDEIRO DE SÁ LEITÃO, CHRISTYANNE MARIA RODRIGUES BARRETO DE ASSIS