Congresso Norte-Nordeste de Clínica Médica e Medicina de Urgência e Emergência

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

MICOSE PULMONAR: UM DIAGNOSTICO DIFERENCIAL EM NODULOS PULMONARES ESCAVADOS

Fundamentação/Introdução

Micoses são doenças causadas por fungos e têm amplo espectro de apresentação clínica,variando desde lesões superficiais (acometendo a epiderme) até infecções graves e disseminadas. As micoses pulmonares são causadas por fungos leveduriformes, primariamente patogênicos, habitualmente encontrados no solo. Os indivíduos, ao entrarem em contato com micronichos de fungos, em seu habitat natural, se contaminam e podem adoecer.

Objetivos

Realizar o diagnóstico etiológico para nódulos pulmonares encontrados incidentalmente em radiografia de tórax.

Delineamento e Métodos

Paciente JDA, 64 anos, sexo feminino, raça branca, residente em JF-MG. Admissão hospitalar para investigação de nódulos pulmonares escavados encontrados em radiografia de tórax para avaliação de dor em ombro esquerdo. Paciente negava sintomas respiratórios ou sistêmicos. Portadora de cirrose de etiologia alcoólica. Tabagista 50 anos-maço, etilista inveterada. Posteriormente realizada tomografia computadorizada de tórax, que evidenciou inúmeros nódulos pulmonares escavados, de paredes espessas e algo irregulares, mais notadamente no seguimento anterior do lobo superior esquerdo. Presença de linfonodomegalias mediastinais e hilares. Realizada broncoscopia sem evidência alterações macroscópicas, apresentando pesquisas em lavado broncoalveolar: baciloscopia e teste rápido molecular para tuberculose negativos, pesquisa direta para fungos negativa, tinta da China negativa para fungos e ausência de células atípicas.

Resultados

A paciente foi submetida à segmentectomia pulmonar esquerda , cujo exame histopatológico demonstrou processo inflamatório granulomatoso com áreas de necrose, pesquisa histoquímica para fungos demonstrou numerosas estruturas esporuladas, algumas gemulantes, não identificadas pela morfologia apenas, pesquisa histoquímica para BAAR negativa. Estabelecido o diagnóstico de micose pulmonar, recebeu alta hospitalar em uso de fluconazol. Solicitadas sorologias para criptococose, histoplasmose e imunodifusão para paracoccidioidomicose, que ainda estão em análise.

Conclusões/Considerações finais

O diagnóstico diferencial de nódulos pulmonares escavados múltiplos inclui doenças neoplásicas e doenças infecciosas. Nesse caso, a paciente não apresentava sintomas respiratórios ou sistêmicos , tinha exame do lavado broncoalveolar sem evidência de células neoplásicas ou microorganismos, sendo a realização da biópsia pulmonar necessária para o esclarecimento diagnóstico e início do tratamento.

Palavras-chave

Micoses pulmonares, BAAR, nódulo pulmonar

Área

Pneumologia

Instituições

Hospital Maternidade Therezinha de Jesus - Minas Gerais - Brasil

Autores

FERNANDA MORAIS DE AZEVEDO FERNANDES, Rafaela Clara Resende da Silva, Gabrielle Maluf de Souza, Larissa de Almeida Sales, Cristiane Marcos Soares Dias Ferreira, Silmara Machado